Pecuária sustentável aproxima CBPS e Banco do Nordeste

O Centro Brasileiro de Pecuária Sustentável (CBPS) participou – no último dia 18 – de uma reunião nas dependências do Banco do Nordeste do Brasil (BNB), em Imperatriz, com representantes da instituição financeira. Em pauta, a apresentação do Centro pelo presidente, o pecuarista Mauroni Alves Cangussu, e a discussão de possíveis parcerias entre as entidades, com linhas de financiamento do banco para implantação do Sistema Silvipastoril Intensivo em propriedades da região. Segundo o gerente da agência do BNB em Imperatriz, Francisco de Assis Santos, o banco poderá contribuir sim com o CBPS. “Nós podemos enquadrar esse sistema em uma de nossas linhas de financiamento, a linha da agricultura familiar. Pois 90% dos nossos clientes são mini e médios produtores, principalmente, de áreas de assentamento, e nós vemos esse modelo como próprio para eles, que são realmente o nosso público alvo”, afirma.

Impressionado com o CBPS, o gerente ressaltou que a visão do Centro é o que viu de mais moderno em relação à sustentabilidade na pecuária. “Esse modelo que o CBPS está implantando é muito evoluído para nossa realidade, então, isso tem que ser disseminado para que realmente os produtores absorvam essa ideia e realmente consigam produzir sem degradar a natureza”, conclui. Na ocasião, o CBPS presenteou o banco com três livros que tratam da prática da pecuária sustentável no mundo.